Qual a função das fibras no organismo?

Qual a função das fibras no organismo?

A alimentação é um dos pilares que sustenta a saúde e qualidade de vida. Hipócrates, médico grego que é considerado o pai da medicina, disse que o “alimento é o nosso remédio”, e a ciência atual tem mostrado que ele tinha muita razão com essa afirmação.

 

Tudo que comemos, de uma maneira ou de outra, influencia de maneira significativa na saúde. Se ingerimos de maneira excessiva ou deficiente um alimento ou nutriente, os resultados serão observados no corpo e no metabolismo. Por isso é que, cada vez mais, tem sido reforçada a importância da manutenção de uma alimentação equilibrada e saudável.

A definição desse tipo de alimentação passa por vários conceitos e, especialmente, diversos nutrientes e compostos que não podem faltar no seu prato. Um desses são as fibras alimentares – provavelmente já ouviu falar sobre elas, certo?

Você sabe qual a função das fibras no organismo? E por que elas devem fazer parte da sua alimentação diária? Acompanhe.

O que são as fibras alimentares?

As fibras alimentares são, em sua definição técnica, um tipo de carboidrato não digerível pelo organismo humano e, portanto, não absorvido ou fermentado pelo sistema gastrointestinal após a ingestão.

Elas são consideradas a parte não digerível dos alimentos de origem vegetal e, por isso, comumente encontradas nas cascas e folhas – mas também podem estar presentes na polpa e outra parte desses alimentos.

As fibras são tradicionalmente divididas em dois grupos, que as classificam de acordo com sua solubilidade em água: as solúveis e as insolúveis.

As fibras solúveis, como seu próprio nome já indica, são capazes de absorver um grande volume de água e, dessa maneira, formar um tipo de composto em formato de gel, que atua no trânsito do bolo fecal no sistema gastrointestinal.

As fibras insolúveis, por sua vez, não se misturam com a água e, dessa maneira, contribuem com outros aspectos do metabolismo, como o controle dos níveis de açúcar e colesterol no sangue. Além disso, a função das fibras insolúveis também é atuar no trânsito do bolo fecal no sistema gastrointestinal.

Qual é a função das fibras nos alimentos e no organismo?

As fibras alimentares podem contar com várias funções importantes, tanto na estrutura alimentar, quanto no organismo. Nos alimentos, elas atuam como parte da estrutura dos vegetais, se fazendo presente nas cascas, polpas e outras partes. No organismo, a função das fibras é ainda mais importante.

Elas podem atuar na regulação do funcionamento do sistema gastrointestinal, aumentar a sensação de saciedade após uma refeição, melhorar as respostas séricas de glicose e colesterol, melhorar o funcionamento do coração e até mesmo atuar de maneira significativa na melhora do sistema imunológico.

A ingestão de fibras, portanto, está praticamente lado a lado da manutenção da saúde, visto que elas atuam em vários sistemas diferentes.

Quais são os benefícios que esses compostos podem oferecer para a saúde?

A função das fibras no organismo pode ser traduzida em benefícios que percebemos na saúde e no dia a dia. Os principais deles são:

#1 Melhora do trânsito gastrointestinal

Talvez esse seja o benefício mais divulgado e conhecido do consumo das fibras alimentares para o organismo. Por conta de suas características solúveis e insolúveis e, principalmente, sua não absorção pelo intestino, as fibras contam com uma grande capacidade de influenciar no trânsito do bolo fecal no sistema gastrointestinal.

O consumo regular das solúveis e insolúveis, ajuda a evitar tanto quadros de constipação intestinal, como, também, a solucionar quadros de diarreia, mantendo a saúde gastrointestinal em dia.

#2 Controle dos níveis de glicose e colesterol no sangue

A absorção das fibras também fornece um grande benefício para a saúde quando o assunto é controle do colesterol e do açúcar circulante no sangue. Como elas não são digeridas na alimentação, se tornam capazes de reduzir a absorção de carboidratos e gorduras pelo organismo, diminuindo o volume desses compostos circulando no sangue. Isso resulta em uma melhora nos níveis de glicemia e colesterol séricos, trazendo benefícios para o metabolismo e para a saúde como um todo.

#3 Auxílio na perda de peso

Uma função das fibras alimentares é no aumento da sensação de saciedade – e é fácil entender porque isso acontece. Como elas não são digeridas pelo organismo após a ingestão, as fibras acabam ocupando um grande espaço no estômago durante a alimentação, dando menos chance para outros compostos de rápida digestão permanecerem no mesmo espaço.

Com todo o estômago ocupado, a sensação de saciedade chega rapidamente ao cérebro, fazendo com que se tenha menos vontade de comer e, consequentemente, diminuindo a ingestão de calorias.

Se essa ingestão reduzida de calorias se manter na rotina de uma pessoa, é natural que a perda de peso seja uma consequência da mudança de hábito na alimentação. Por isso, é possível dizer que uma função das fibras é ajudar no controle do peso corporal.

#4 Fortalecimento do sistema imunológico

O intestino é um dos órgãos mais importantes quando o assunto é o funcionamento do sistema imunológico. Ele pode ser a porta de entrada para várias infecções, especialmente quando sua flora bacteriana está desequilibrada, permitindo a proliferação de microrganismos patogênicos.

O consumo de fibras solúveis permite uma atuação desse composto nutricional como um probiótico, ou seja, um estimulante da proliferação das bactérias benéficas para a saúde do intestino. Isso significa que essas fibras são capazes de “alimentar” as bactérias essenciais do trato, ajudando-as a combaterem a ação das bactérias patogênicas. Dessa maneira, o sistema imunológico é fortalecido e beneficiado pelo consumo de fibras.

#5 Melhor funcionamento do coração

Com menores níveis de açúcar e gordura circulando no sangue, é possível afirmar outra função das fibras:  a de proteção cardiovascular. Isso significa que o sangue vai circular com mais facilidade por todo o sistema vascular e demandar do coração uma atividade menor e mais saudável.

Como adicioná-las à alimentação?

As fibras alimentares podem ser adicionadas à alimentação de maneiras diferentes. A mais tradicional é modificando a dieta diária, aumentando o volume de produtos de origem vegetal – em sua forma natural – nas refeições. Por isso é que o consumo de frutas, vegetais, folhas e alimentos integrais é tão incentivado por profissionais da saúde. Quanto mais presentes eles forem na sua alimentação, maior será o seu consumo de fibras.

Outra maneira de adicionar fibras alimentares à alimentação é fazendo o uso de suplementos específicos desses compostos, que podem ser apenas de fibras insolúveis, solúveis ou um mix de ambas. Eles devem ser adicionados como um complemento da alimentação natural para garantir os efeitos desejados vindos de cada função das fibras.

As fibras alimentares são compostos essenciais para viver uma vida saudável. Você acredita estar consumindo o volume adequado desse nutriente por dia? Conte para a gente e tire suas dúvidas sobre o tema pelos comentários. Até a próxima!

Deixe uma resposta

Fechar Menu